ACCS 2014.1 – DIREITOS HUMANOS/JUSTIÇA, TECNOLOGIA/PRODUÇÃO E TRABALHO

Posted on Updated on

Confira aqui mais informações sobre as propostas de ACCS aprovadas relacionadas aos Direitos Humanos/Justiça, Tecnologia/Produção e Trabalho:

Onda Solidária de Inclusão Digital: Tecnologia a serviço da Cidadania 

Débora Abdalla Santos – Instituto de Matemática

A ACC ONDA SOLIDÁRIA DE INCLUSÃO DIGITAL: TECNOLOGIA A SERVIÇO DA CIDADANIA deverá apoiar as ações do Programa Onda Digital no intuito de promover o uso das Tecnologias de Informação e Comunicação como meio de contribuir para a sustentabilidade e o desenvolvimento sociocultural e econômico local. Será oferecido um curso de informática básica com uso de software livre. Também, serão realizadas oficinas itinerantes com tema Internet segura, que tem por objetivo instruir o público quanto às formas de navegar na Internet de forma segura. Outra ação planejada é manter o serviço de orientações ao uso do computador e internet para crianças, adolescentes e os seus acompanhantes que frequentam o GACC – Grupo de Apoio a Criança com Câncer.

Desenvolvimento sustentável da pecuária familiar através da caprinoovinocultura de subsistência

Adelmo Ferreira de Santana – Escola de Medicina Veterinária e Zootecnia

A Bahia possui o maior rebanho nacional de caprinos e o segundo maior de ovinos concentrados no semiárido, sendo esta atividade pastoril em alguns municípios a única fonte de renda e dela depende a sobrevivência de muitos agricultores familiares (LIMA, 2008). Dentre outros aspectos, a grande capacidade de adaptação dessas espécies a condições adversas como o semi-árido baiano, permite a utilização dessa atividade inclusive aos mais humildes, não exigindo muitos insumos e é uma das principais possíveis medidas de combate ao êxodo rural. No entanto há uma grande escassez no que diz respeito à assistência técnica a essas comunidades. Contudo a ACCS MEVB62 objetiva proporcionar o desenvolvimento socio-econômico de populações vulneráveis através de melhorias no manejo de criações de subsistência de caprinos e ovinos conjuntamente com o desenvolvimento acadêmico dos alunos para questões sociais ligadas à agropecuária de base familiar.

Prevenção da violência: abordagens interdisciplinares

Ana Clara de Reboucas Carvalho – Faculdade de Odontologia

A ACCS (FOFB034) tem como objetivo geral estimular debates téorico-conceituais acerca do fenômeno da violência, com atenção especial à perspectiva preventiva, e de modo a desdobrá-los em ações comunitárias e/ou institucionais. Do ponto de vista metodológico, esta ACCS se estrutura em duas etapas independentes, porém complementares, a saber: uma primeira, de concentração e planejamento, voltada às leituras e discussões acerca da temática, bem como para a programação operativa das atividades práticas; uma segunda dedicada às atividades em campo propriamente ditas. Nesta versão – e dado o êxito e as demandas de permanência – a ACCS se manterá nos dois cenários de atuação, a saber: no bairro do Calabar (Salvador – Bahia), desenvolvendo as atividades juntamente à Associação de Moradores e seus espaços comunitários e institucionais integrados, a exemplo das Cooperativas e Biblioteca Comunitária, da Escola, da Unidade Básica de Saúde e da Base Comunitária de Segurança; e, além do Calabar, a ACCS contribuirá com o processo de implantação do Núcleo de Acolhimento e Gestão (NAGE) da FOUFBA. A ACCS contribuirá para a criação de um núcleo voltado à atenção de pessoas em situação de violência e vulnerabilidade social que chegam ao serviço, o qual será vinculado ao espaço do (NAGE); entendendo que os serviços de saúde são porta de entrada dos casos de violência à rede de atenção; e o aprimoramento de tais serviços passa pela prevenção de quaisquer riscos de maus tratos institucionais. Espera-se que tais experiências se revertam em avanços para os espaços envolvidos, no que tange à temática, e em aprendizados partilhados entre todos.

Assistência aos pequenos produtores quilombolas de caprinos e ovinos no município de Itaguaçú da Bahia

José Vasconcelos Lima Oliveira – Escola de Medicina Veterinária e Zootecnia

Os caprinos e ovinos são utilizados para a produção de carne, leite, pele, lã e esterco e para que a atividade se torne mais lucrativa são necessárias algumas mudanças na evolução do rebanho melhores práticas de manejo (ATHAYDE, 2004). Nas atividades de extensão são utilizadas tecnologias de custo acessível, medicamentos terapêuticos iatrogênicos e drogas antiparasitárias em pequenos ruminantes na tentativa de corrigir e melhorar o desenvolvimento da atividade na região (RODRIGUES, et al, 2007).
A Bahia possui o maior rebanho nacional de caprinos e o segundo maior de ovinos concentrados no semiárido, sendo esta atividade pastoril em alguns municípios a única fonte de renda e dela depende a sobrevivência de muitos agricultores familiares (LIMA, 2008). Dentre outros aspectos, a grande capacidade de adaptação dessas espécies a condições adversas como o semiárido baiano, permite a utilização dessa atividade inclusive aos mais humildes, não exigindo muitos insumos. Durante a primeira visita serão feitas palestras para apresentações, importância e potencialidade da atividade na região, e discussão entre os produtores. No decorrer das atividades os alunos apresentarão para a comunidade assuntos pertinentes à criação de caprinos e ovinos. O objetivo deste trabalho é executar práticas da área da Medicina Veterinária estabelecendo permuta de conhecimentos entre alunos e produtores com o intuito de levar melhorias na qualidade dos rebanhos e fornecer atividade prática para os nossos alunos fixarem conhecimento.

Desenvolvimento da Fazenda Experimental da UFBA no município de Entre-Rios através da Criação de Caprinos, Ovinos e Aves de Corte e Postura

Paulo Cesar Costa Maia – Escola de Medicina Veterinária e Zootecnia

Com o crescente avanço da indústria avícola e aumento do consumo de produtos de origem aviária foi possível aumentar a produção de carne e ovos de frango e esse crescente aumento é devido a grande inovação em tecnologia de produção e nutrição desses animais. O rebanho de caprino e ovino é o segundo maior em termos numéricos e é considerada uma atividade que compõe grande parte da renda de pequenos produtores (DICKEL, 2004; LIMA, 2008). No entanto há uma grande escassez no que diz respeito à assistência técnica a essas comunidades, mesmo sendo uma atividade pouco exigida, visto que a produção informal ainda se faz muito presente. O desenvolvimento da atividade consiste em estabelecer contato com os pequenos produtores e desta forma abrir as portas da Escola para que juntamente com os alunos possam ser realizadas atividades práticas de manejo propiciando melhorias à atividade aplicada.O objetivo deste trabalho é fornecer capacitação de caráter técnico para os alunos em atividades voltadas para a criação de caprinos, ovinos e aves de corte e postura.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s